ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

O conteúdo desta página só pode ser visualizado na vertical!


imagem
Revista PORT.COM • 10-Fev-2017
Professores de português da Galiza querem mais efetivos



Mais de 1.700 pessoas estudam português nos centros do ensino secundário galegos e outras 1.100 nas Escolas Oficiais de Idiomas.

A Associação de Docentes de Português na Galiza pediu à Conselharia de Educação daquela comunidade autónoma de Espanha a abertura de vagas da especialidade de língua portuguesa no ensino secundário.

 “A inexistência de vagas da especialidade de português nos liceus galegos coloca numa constante e permanente situação de incerteza e precariedade todos os anos de trabalho, esforço e dedicação a favor da língua portuguesa”, refere a associação em comunicado.

A associação recorda a Lei Paz-Andrade, aprovada por unanimidade pelo parlamento galego, que estabelece a necessidade de "fomentar o ensino e aprendizagem do português" e que o Governo local se comprometeu a "incorporar progressivamente a aprendizagem da língua portuguesa nos centros de ensino da Comunidade Autónoma da Galiza".

"Estas mínimas razões, suficientes e de evidente importância, levam-nos a insistir mais uma vez na nossa petição à Conselharia da necessidade de convocarem vagas específicas de língua portuguesa no ensino secundário galego sem mais demora", conclui a Associação de Docentes de Português na Galiza.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Portugal, o segundo país da Europa com mais emigrantes
Daniel Bastos
Historiador
As Comunidades Portuguesas e os Municípios
Paulo Pisco
Deputado do PS eleito pelas comunidades
Mercado Imobiliário: Algarve, destino de eleição para portugueses e franceses
Pedro Rosa
Consultor imobiliário
DISCURSO DIRETO
Viver no Dubai, uma experiência incomparável
Sónia Costa
EMIRADOS ÁRABES UNIDOS
Como é ser um português recém-chegado a Nova Iorque
David Salgado
ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA
Depois de África e América, viver no Reino Unido
Tiago Oliva
REINO UNIDO
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ